Alimentos para combater a Anemia

A anemia é uma doença que pode vir disfarçada. Às vezes ela é confundida com cansaço e emagrecimento, mas na verdade pode ter causas muito mais serias. A anemia pode surgir devido a grandes perdas sanguíneas, como menstruação anormal, lesões digestivas, como úlceras gástricas que podem provocar hemorragias, hemorragias durante uma cirurgia ou após um trauma, insuficiência renal crônica e até mesmo câncer.

Para acaba com os sintomas de cansaço repentino, fraqueza, palidez, dores de cabeça, tonturas e perda de apetite, o melhor tratamento é através de uma alimentação especifica para a anemia.

É importante comer vegetais de folhas verdes, leguminosas, beterraba, salsa, alfafa, fazer reposição de ferro, vitamina A, B12 e C, e fortalecer o sistema imunológico.

Ferro

A spirulina é uma bactéria que se parece muito com uma alga. Ela contém mais de 65% de proteína, também é rica em clorofila, ferro (cerca de 58 vezes mais do que o espinafre), contém vitamina B12, dificilmente encontrada em qualquer alimento do reino vegetal.

Possui propriedades antioxidantes, beta-caroteno e ômega 3 e 6, o que lhe confere o poder de eliminar radicais livres, fortalecer a saúde e prevenir o envelhecimento precoce.

A spirulina também é ótima para pessoas que têm problemas digestivos, pois ajuda a melhorar a absorção de nutrientes pelo seu corpo, ela normalmente é comercializada na forma de pó e pode ser consumida com a comida, em chás e sucos.

anemia

Vitamina C

A vitamina C é essencial para um bom funcionamento imunológico e para a assimilação de ferro pelo organismo.

A ora pro nóbis é uma planta com alto teor de proteína (aproximadamente 25% de sua composição), tem elevado teor de vitamina C, superando a laranja em até 4 vezes, além de ser rico em sais minerais e vitaminas, também é rica em fibras.
Na sua composição também aparece o ácido fólico, essencial para o fortalecimento imunológico e vitamina A em grande quantidade.

A ora-pro-nóbis pode ser consumida em saladas, refogados e sucos.

Antianêmicos

O abacate é uma das armas mais poderosas na luta pelo equilíbrio sanguíneo.

Ele contém altos níveis de ómega-3 e vitamina E, a combinação de nutrientes dessa planta forma um adequado sinergismo que aumenta a absorção de ferro e por também ser rico em vitamina B6, facilita a produção de glóbulos vermelhos.

Comer um mínimo de 3 abacates por semana por 2 a 3 semanas podem colaborar para acabar com a anemia.

Você pode usa-lo como substituto da maionese em patês e molhos, como guacamole, batido com coentro e alho como tempero, picado com saladas, em vitaminas e milkshakes, sorvetes e mesmo doce misturado com mel e limão ao gosto.

Remineralização e depuração do organismo

A urtiga é uma erva perfeita para a remineralização, principalmente de ferro, sendo que possui alta quantidade presente em suas folhas. Uma das propriedades mais benéficas da urtiga consiste em ser uma planta antianêmica, ou seja, ela é capaz de agir na estimulação da produção de glóbulos vermelhos do sangue, devido ao seu alto teor de ferro e vitamina C.

As folhas de urtiga podem ser utilizadas para a preparação de risotos, sopas, chás, sucos e até mesmo na preparação de pães. A salsa crua também é um condimento excelente, já que contém vitamina C e ferro em boas quantidades.

Como preparar: 5 colheres de sopa de urtiga verde seca e 1 suco de limão para 1 litro de água. Aqueça a água, antes de ferva, quando começarem os primeiros vapores, desligue o fogo e acrescente a urtiga. Tape o recipiente e deixe descansar infusão por 5 minutos.  Filtre e adicione o suco de limão.

Beba ao longo do dia, preferencialmente em jejum. Pode ser consumido durante 15 dias para aumentar os níveis de ferro e após essas duas semanas, pode ser utilizada a cada 3 dias. As mulheres, em seu período menstrual, podem utilizar para compensar a perda de ferro.

Estimulantes

Como um dos sintomas da anemia é o cansaço, um importante aliado são os energéticos. Mas atenção, o chá verde e o café, normalmente utilizadas para aumentar a energia, dificultam a absorção de ferro. O chá verde pode diminuir a absorção de ferro em até 64%, enquanto que o café reduz em 39%. Portanto é interessante conhecer outros estimulantes e que contenham benefícios para a saúde.

O ginsegn é um dos melhores estimulante, além de possuir a vitamina B12, essencial para acabar com a anemia e que dificilmente é encontrada em alimentos vegetais.

O gengibre, além de anti-inflamatório e protetor de doenças, também é vitaminizante, potencializando a absorção de vitaminas, que são muito importantes neste tratamento. Pode ser utilizado em forma de pó e chá em decocção.

A centella asiática e a cavalinha também podem auxiliar, sendo estimulantes e depurativas. O chá se realiza por infusão.

Conte também com chás aperientes, como a avenca, boldo da bahia, losna e poejo.

Verifique as contra indicações das plantas que você utiliza, prefira produtos orgânicos e locais. Preze pelo equilíbrio, evitando excessos.

Deixe sua mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *