Como amenizar os Sintomas do Glaucoma

O glaucoma é um tipo de doença ocular, que provoca sérios danos ao nervo óptico, podendo inclusive causar cegueira. Existem dois tipos de glaucoma: O glaucoma agudo que ocorre quando a saída do líquido aquoso de repente é bloqueada e causa um aumento rápido, doloroso e grave na pressão intraocular. E o glaucoma crônico que é o tipo mais comum e tende a ser hereditário. Ocorre um aumento na pressão ocular e desenvolve-se lentamente sem apresentar sintoma.

A causa ainda não é conhecida, mas sabe-se que esta pressão acontece pelo aumento de um líquido chamado de humor aquoso, é formado na parte anterior do olho e por uma falta de drenagem não consegue dar vazão.

Consuma ômega 3

Uma dieta saudável é essencial para prevenir qualquer doença. No caso do glaucoma, se recomenda a ingestão de ácidos graxos e ômega 3. O ácido DHA é um tipo de ácido graxo que promove o bom funcionamento da retina e evita a acumulação da pressão interna dos olhos.

A semente de chia é um dos alimentos que mais contém ômega 3, possuindo cerca de 5 g de ômega 3 em 28 gramas de sementes, ela contém mais ácidos graxos que qualquer peixe. A semente de linhaça e as nozes também são alimentos que devem entrar para a dieta.

Além de prevenir doenças oculares esses ácidos favorecem a memória e o cérebro, combatem a depressão e inflamações, diminuem colesterol, melhora a saúde do coração e combate diabetes.

Luteína e Zeaxantina

A luteína e a zeaxantina são carotenoides que ajudam a diminuir a pressão ocular. Elas provocam isso devido a ação antioxidante, que diminui os radicais livres e os danos oxidativos que acontecem em volta do nervo ótico. A oxidação e os danos nesse nervo podem aumentar a pressão interna do olho.

Alguns alimentos que possuem estes carotenoides são o repolho crespo, a espinafre, a couve, a couve-de-bruxelas, o brócolis e a gema de ovo cru. Você pode utiliza-las em saladas, refogados e em sucos.

Olho com glaucoma

Ácido lipoico

Este ácido é um importante antioxidante, que já vimos ser necessário no tratamento, ele é usado para proteger e curar diversas afecções dos olhos, incluindo glaucoma e a pressão intraocular elevada.

Além de retardar o envelhecimento, ele combate a diabete e previne doenças cardíacas. Este ácido é encontrado no brócolis, ervilha, levedura de cerveja, espinafre e na couve.

Jaborandi

Entre as propriedades do Jaborandi esta a anti-glaucoma. As folhas desse arbusto são constituídas pelo princípio ativo pilocarpina, que é substância usada no colírio para tratamento do glaucoma. Ele impede o ressecamento dos olhos e ativa o sistema nervoso.

Quando o sistema nervoso parassimpático é ativado ele age na contração da pupila, o que diminui a pressão intraocular. Ele também é diurético e promove a salivação e o suor do corpo, assim diminuindo a pressão arterial e eliminando líquidos e toxinas presentes no organismo.

Por ser uma planta usada na cosmética devido a seu potencial de crescimento capilar é uma espécie que esta correndo sério risco de extinção.

Mirtilo e Picnogenol

O mirtilo é normalmente utilizado para melhorar a saúde visual e combater doenças oculares degenerativas. Um estudo sobre o mirtilo e o picnogenol (que é um extrato da casca do pinheiro) descobriu que essa substância é eficaz na diminuição da pressão ocular.

Estes dois componentes são ricos em proantocianidinas, potentes antioxidantes conhecidos por sua capacidade de neutralizar os radicais livres nocivos. Outro estudo apresentou resultados que afirmam que a casca de pinheiro e o mirtilo melhoram a estrutura e função dos vasos sanguíneos e diminuem a resistência ao escoamento do fluído.

Suplementação

Além de cuidados com a alimentação e a saúde é preciso repor alguns minerais que podem estar faltando.

O magnésio ajuda a entrada de cálcio no organismo e melhora a circulação periférica, o que tem um efeito benéfico sobre o campo visual em pacientes com glaucoma. Vitamina A é especialmente útil para manter a saúde dos olhos, a falta dela pode causar secura da conjuntiva do olho, pálpebras inchadas e úlceras que se formam na córnea. A vitamina E previne contra catarata e a vitamina C reduz a pressão intraocular.

Verifique as contra indicações das plantas que você utiliza e procure o acompanhamento de um naturólogo. Opte por produtos orgânicos e de produção local e preze pelo equilíbrio, evitando excessos.

Deixe sua mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *